quinta-feira, março 25, 2010

Loft


 Hoje vou falar do meu sonho de consumo que é morar em um LOFT. 



Um loft (palavra que significa "depósito" ou "sótão" em inglês), é um tipo de apartamento  criado a partir da compartimentação de um grande espaço coberto, sem divisórias.

 Os lofts têm projetos arquitetônicos inspirados no estilo de morar que nasceu em Nova York na década de 1970. Lá, velhos galpões e armazéns de edifícios foram reformados para servir de moradia para profissionais liberais, artistas, publicitários e executivos.


Os lofts de Nova York eram conhecidos por não terem paredes dividindo os ambientes, pelos mezaninos de madeira ou ferro e seus grandes elevadores de carga, além de pés-direitos altos e grandes janelas. Os espaços foram concebidos com inspiração nos lofts criados pelo arquiteto francês Le Corbusier, na década de 1920. Com inspiração nos antigos estúdios de Paris.
No Brásil na década passada depois que o mercado de flats se consolidou na ocupação, a leva de executivos cada vez mais jovens que deixavam a casa dos pais para morar sozinho incentivou novos segmentos imobiliários no País. Agora, ele cresce a passos largos.

O primeiro loft construído no Brasil foi o empreendimento São Paulo I, da Stan, localizado no bairro do Morumbi. Aqui exatamente como nos Estados Unidos, os lofts são construídos apenas em bairros nobres de São Paulo, entre eles, Itaim, Morumbi, Vila Madalena, Jardins, Vila Nova Conceição e Alto de Pinheiros.

Loft e open-space


O conceito de loft (que frequentemente confundimos com o de simples open-space) está associado à altura dos tectos. Loft é um espaço aberto com um pé-direito generoso que, por norma, inclui um entrepiso ou mezanino. Embora existam lofts projectados de raiz, a maior parte resulta do aproveitamento de construções antigas cuja função original não era a habitação, como acontece na emblemática fábrica das lâmpadas em Lisboa.












8 comentários:

  1. Oiii, não podia deixar de fazer uma visitinha ao seu blog, que adoro! Faz uma visitinha no meu e veja as novidades, voce vai adorar.
    Um Beijo grande!

    Aguardo você...

    http://mulhersuperpoderosa.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. OLÁ LORENA...PASSEI PARA CONHECER TEU BLOGUITO E ADOREI,ESTA POSTAGEM ENTÃO TUDO DE BOM.BEIJOCAS ESPERO SUA VISITA NO MEUMUNDO+TRÊS.
    *JÁ ESTOU TE SEGUINDO SE GOSTAR DO MEU BLOGUITO ME SIGUA TB.

    ResponderExcluir
  3. Olá Lorena, gostaria de saber se na sua opinião profissional a construção de um loft sai mais em conta e se é mais rápida do que a de uma casa comum.
    Estive procurando modelos de lofts mas me deparei com um questionamento “onde está o guarda roupa?” Gostaria de saber tambem se há a possibilidade de construir um closet com o banheiro dentro na parte de cima do loft. Minha casa atual dispõe de um closet mal dividido que comporta o banheiro, há como associar esta idéia com melhorias?
    Também me questiono se o modelo do loft pode comportar uma área exterior para receber pessoas e para a lavanderia. Isso foge totalmente dos padrões?

    Adorei seu blog.
    Desde já, Grata.

    ResponderExcluir
  4. Oie, muito bacana esse post.
    Tenho como meta residir em um loft, fico encantado com a maneria em que são projetados.
    Vejo como uma das melhores maneiras de aproveitar o espaço e economizar na hr de uma construção.


    Sucesso!
    Ha, sou estudante de Arquitetura rs

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. oi, foi ótimo passar por aqui e vê como esta fantástico seu blog.fico feliz por vc existir em meu mundo.lorena bjs pra toda sua equipe.edy gusmao artista plastico.

    ResponderExcluir
  7. Minha casa minha Vida. Como diria nossa querida e triste presidenta, Lady Di.

    ResponderExcluir
  8. Olá Lorena,
    Adorei o post sobre LOFTS. eu adoro a ideia de ambientes integrados, de amplas janelas e a rusticidade de tijolos e instalações aparentes.Parece-me que o caracteriza um loft én o pequeno espaço, pode-se fazer um loft , sem fugir do conceito, com mais ou menos 150,m2 ?
    Outrossim a atação pelo loft tem a ver com economia, mas será que o custo da construção fica menor que o da casa convencional?
    Abraços, e grata pela atenção.

    ResponderExcluir