quinta-feira, março 10, 2011

Portões

Fabricados em muitas formas e materiais, os portões residenciais podem oferecer mais do que elegância e proteção à residência.

Beleza e segurança para a entrada da residência. Geralmente, essas são as características consideradas para a escolha de um portão. No entanto, especialistas no assunto destacam que outros fatores também são fundamentais para garantir praticidade e funcionalidade ao produto. Para eles, é preciso ficar atento à quantidade diária de acionamentos para optar pelo motor; ao tipo de abertura de acordo com o espaço disponível; ao material de fabricação; às cores, texturas, visores e ventilação; à necessidade de acesso (porta integrada ou lateral); e à velocidade de movimentação, que deve ser maior na abertura e menor no fechamento para evitar acidentes. Veja, a seguir, algumas dicas para optar pelo portão certo para a sua casa.
Materiais
Segundo o executivo de vendas da Hörmann Brasil Fernando Enns, os modelos fabricados com chapa de aço, assim como aqueles com perfis de alumínio, têm a vantagem de cobrir vãos maiores e suportar maior carga de vento. "Os de alumínio são ainda mais leves", lembra.
Porém, a gerente de vendas da Portão Forte, Daniela Albuquerque, afirma que os modelos de alumínio têm custo superior e resistência inferior quando comparados a outros materiais. "A madeira tem valor intermediário, poucas opções e menor durabilidade. Já o aço conta com uma resistência superior, custo inferior aos demais, grande variedade de modelos e durabilidade intermediária", completa.
Na produção de portões, vale lembrar que o aço é subdividido em comum (ferro) e galvanizado. A diferença está no processo a que o material é submetido. "O aço galvanizado possui durabilidade contra corrosão de até dez anos por conta do acréscimo de zinco à sua superfície", finaliza Daniela.
Sistemas de acionamento
Os modelos podem abrir e fechar por meio de controle remoto, botoeira (botão) simples, botoeira com senha de acesso e leitura biométrica (digital). Quanto à forma de abertura, existem os portões corrediços, basculantes, de enrolar, pivotantes (duas folhas que se abrem para fora) e bipivotantes ou seccionais (sobem verticalmente e correm horizontalmente junto à laje da garagem).
"Os mais comuns são os portões basculantes, erguidos por meio de mecanismo de contrapeso, e os deslizantes, que abrem lateralmente correndo sobre trilhos. Para cada um existe um motor adequado para o tempo de abertura, que deve ser indicado pelo fabricante.


Com sistema de abertura deslizante, este portão de alumínio, da R&M Serralheria, possui acionamento automático por meio de motor PPA com cremalheira (trilho), escolhido de acordo com as dimensões do projeto. Preço sob consulta.



Este modelo da Portão Forte, de aço galvanizado com abertura deslizante, é adequado para pequenas alturas, pois não tem a perda de espaço superior dos portões basculantes. O modelo automático na medida 8,30 x 2,50 m e com porta social embutida custa R$ 8.040.








Este portão de ferro tubular galvanizado (Tecport) tem grandes dimensões: 3 x 2 m com vãos de 2 cm. O acabamento foi feito com pintura imitando aço corten (enferrujado) e o sistema de abertura basculante, com motor Peccinin Flash. Preço sob consulta.



O modelo basculante fabricado com aço galvanizado (Portão Forte) possui boa durabilidade, pois não tem contato direto com o piso. As frestas permitem ainda observar se há alguém próximo ao portão antes de abri-lo. Nas dimensões 4,60 x 2,50 m sai por R$ 4.630.


Criado para ocupar pouco espaço interno, este portão de aço galvanizado possui sistema de automação confeccionado pelo próprio fabricante: a Hörmann Brasil. Além de vários acabamentos, tem rápida abertura e recursos de segurança para evitar acidentes e arrombamentos. Aproximadamente R$ 10.600.


A instalação deste portão de assoalhos de ipê (tratado para não rachar nem atrair cupins) contou com uma viga de aço na parte superior. Com isso, o modelo da Mello Ribeiro Portões Automáticos ganhou maior sustentação e combinou com a porta social conjugada. Preço sob consulta.

fonte: http://revistacasaeconstrucao.uol.com.br/ESCC/Edicoes/67/artigo211045-3.asp

2 comentários:

  1. Lorena, bom dia.
    Sou arquiteto e gostaria de saber como você fez esse ''efeito aço corten'' no portão.

    Se você puder me responder no e-mail andre@casacortintas.com eu agradeço.

    Obrigado.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia dra. Lorena, eu também sou de campina grande, gostei muito do seu blog.
    Estou interessado em um portão basculante para a minha casa. Seu blog me orientou muito.
    Abusando da sua atenção eu gostaria de saber onde aqui em campina ou região consigo comprar esse tipo de portão basculante? Agradeço demais se puder me indicar alguns lugares OK.
    Abraço cordial

    ResponderExcluir