segunda-feira, outubro 05, 2015

Porcelanato polido: onde usá-los e onde não







Foto: Shutterstock
Redação AECweb

Os pisos de porcelanato apresentam durabilidade, fácil limpeza e visual arrojado. Disponíveis em diversos modelos, eles aliam beleza e resistência, podendo ser aplicados em diversos ambientes.

O porcelanato polido é extremamente liso e de alto brilho, conferindo decoração sofisticada.

É ideal para áreas secas como corredores, salas e quartos. Em geral, são feitos com discos de diamantes, que garantem a questão do brilho, e recebem uma camada de proteção contra riscos e manchas.

Além dos corredores, salas e quartos, os pisos de porcelanato polido também podem ser aplicados em outras áreas, desde que não sejam úmidas ou molháveis — aplicações nesses ambientes suscitam riscos de escorregamento.

O modelo polido também não é indicado para casas com animais de estimação, pois as unhas e garras dos pets não são porosas — o que exige, constantemente, maior esforço físico da parte deles.

Mais dicas

– Quanto maior o formato do piso, maior será a sensação de amplitude do espaço — pois reduz a quantidade de rejunte.

– A limpeza diária deve ser feita com vassoura com cerdas macias ou com água e sabão neutro. Em casos de faxinas ou limpezas mais intensas, é recomendável recorrer ao fabricante para conhecer produtos específicos.

– É contraindicado o uso de produtos químicos e abrasivos, aditivados com flúor em sua composição.

– A instalação exige contrapiso nivelado. Além disso, a escolha da argamassa de assentamento utilizada deve seguir as recomendações do fabricante.

Pronto! Agora não tem como errar se optar pelo material!

Nenhum comentário:

Postar um comentário